Arquivo da tag: blend

Weber Haus premium

Weber haus premium

Esta Weber Haus, diferentemente da versão premium analisada aqui anteriormente, é envelhecida por um ano em tonéis de cabriúva – onde perde acidez – antes de passar aos tonéis de carvalho para ganhar cor, aroma e perfume.

Nesta versão da premiada cachaça gaúcha, os elementos se combinam para compor uma bebida suave e agradável, com um toque inusitado de sofisticação.

É uma bebida tão divertida quando aquela versão envelhecida em amburana, e tão fácil de degustar quanto.


Cor: amarelo ouro
Viscosidade: média
Aroma: amadeirado doce
Sabor: levemente adocicado
Graduação: 38%
Apresentação: garrafa de 700 ml.

www.weberhaus.com.br
Fone: +55 51 3563-3194


Coluninha

Coluninha

Produzida desde 1995 foi batizada em homenagem à cidade de Coluna, localizada no nordeste de Minas Gerais.

É uma cachaça branca e de aroma adocicado, apesar do envelhecimento por dois anos em dornas de madeira nobre o que lhe confere um sabor complexo e único.

Na fabricação da coluninha é empregada a tripla filtragem, processo muito utilizada na fabricação de outros destilados.

Alardeado como peça de propaganda marketing, a tripla filtragem é capaz de eliminar todos os resíduos e proporcionar uma uniformidade de sabor. Mal utilizada, pode resultar um produto muito pasteurizado, inodoro e sem sabor.

A coluninha, combinando métodos artesanais, processos orgânicos e modernas técnicas se apresenta como uma grata surpresa de qualidade e sabor diferenciados que agradam paladares exigentes.


Cor: branca
Viscosidade: alta
Aroma: levemente adocicado
Sabor: cana adocicada e picante.
Madeira: mistura de amburana, jequitibá, ipê, castanheira do pará e carvalho.
Graduação: 40%
Apresentação: garrafas de diversos tamanhos formatos e rótulos.
Fone: +55 31 3422 0309

Sabor de minas

Sabor de minas

O rótulo da cachaça Sabor de Minas possui um apelo tão clássico que é difícil acreditar que se trata de uma bebida que começou a ser produzida apenas em 2002.

Ele possui aquele popular estilo das fachadas e letreiros de restaurantes de comida tipicamente mineira.

Tudo isso evoca uma aura de respeito e tradição na hora de degustar seu líquido precioso.

E não decepciona, pois a bebida possui todas as características que fizeram a fama e conferem qualidade às melhores cachaças de Salinas/MG.

A Sabor de Minas é suave, levemente picante e quente. Seu particular envelhecimento em tonéis de bálsamo e jequitibá lhe dão um sabor picante que remotamente me lembrou cravos, mas pode ser apenas entusiasmo.

É uma excelente bebida para todas as ocasiões.


Cor: amarelo claro
Viscosidade: média
Aroma: levemente ácida e amadeirada
Sabor: suavemente picante, ácido e alcoólico
Madeira: blend (bálsamo e jequitibá)
Graduação: 42%
Apresentação: garrafa de 600 ml e diversos outros tamanhos

Velho alambique

Velho alambique

Cachaça orgânica produzida artesanalmente na pequena e histórica cidade de Santa Tereza,  localizada na serra gaúcha.

Rica em patrimônio histórico que data da colonização italiana nos idos de 1875, preserva na pequena produção desta bebida exclusiva um pouco do patrimônio cultural de sua comunidade.

A colheita é manual e aguarda até a perfeita maturação da cana. Depois de destilada a bebida é ainda armazenada em barris de carvalho ou grápia.

Tudo isso resulta num produto de sabor adocicado marcante de melado da cana.

É uma cachaça fácil de beber, melhor apreciada se bebida após as refeições. Lenta e pausadamente como escorre o tempo nas verdes encostas e vales da Serra Gaúcha.


Cor: dourado
Viscosidade: alta
Aroma: levemente adocicado
Sabor: melado de cana, levemente adocicado
Madeira: carvalho e grápia
Graduação: 39%
Apresentação: garrafas de 50, 160 e 700 ml

http://www.velhoalambique-rs.com.br

 


Clube minas

A cachaça Clube Minas segue uma receita pouco comum ao mercado de destilados brasileiros, mas muito popular em outros mercados.

Assumidamente, ela se apresenta com um “blend”, ou seja, uma mistura de destilados cuidadosamente selecionados e armazenados em tonéis de várias qualidades com o propósito de obter uma bebida única.

O resultado, atestado por diversos prêmios, é uma bebida que remete às melhores qualidades do destilado genuínamente brasileiro.

O repouso é feito em barris de cerejeira (madeira da família da amburana), jequitibá-rosa  e jatobá. Estas últimas madeiras, pouco usuais, conferem uma alma especial à bebida.

A Clube Minas é produzida artesanalmente por um conglomerado de mais de 80 cooperados. Assim a bebida alcança qualidade, preço e capacidade de fornecimento à altura dos grandes produtores industriais. Isso sem perder a característica de produto artesanal.

O modelo alcança tanto sucesso que vem sendo copiado por pequenos produtores de outras regiões do país, interessados em ganhar escala e projeção para seus produtos.

A Clube Minas tem sabor agradavelmente único, revestindo-se de qualidades que lhe permitem ser consumida em qualquer situação por paladares dos mais variados espectros.

Também guarda a característica de ser comercializada em garrafas de 600ml tradicionais, porém transparentes e personalizadas. Algo raro e que cada vez mais se converte em critério de seletividade do produto.


Cor:  amarelo claro
Viscosidade: alta
Aroma: levemente  adocicado
Sabor: picante, sutilmente amadeirado
Madeira: cerejeira, jequitibá-rosa  e jatobá
Graduação: 40%
Apresentação: garrafas de 600 ml

http://www.coocachaca.com


%d blogueiros gostam disto: