Paraíso

Paraíso

Cachaça que me chegou pelas mãos de um bom amigo mineiro, exímio preparador de crocantes torresmos  que combinam maravilhosamente com estes doces tragos.

Produzida na cidade de Cambuquira que fica “coladim” em Três Corações, e que faz parte do Circuito das Águas no sul de Minas Gerais.

Repousada em pau-pereira, também conhecida como angelim-rosa, é a primeira bebida apurada nessa madeira que tive o privilégio de provar.

O que vim a saber pelas informações que me foram passadas pelo fabricante é que existem três variedades dessa madeira utilizadas para o envelhecimento e que podem ser combinadas  conforme o propósito que se deseja alcançar.

  • A branca retira a acidez e mantém a coloração natural da Cachaça;
  • Amarela retira a acidez e transmite uma coloração ‘amarelada’;
  • Vermelha retira a acidez e transmite uma leve coloração alaranjada.
A mais comum e que foi utilizada no envelhecimento dessa cachaça é a pereira branca.

Foi uma grata surpresa sentir tanto frescor nessa garrafa de 2010.

Branca, aromática e suave. Mesmo parecendo uma bebida forte, entrega suavidade e maciez ao paladar.


Cor: branca
Viscosidade: média
Aroma: neutro
Sabor: alcoólico
Madeira: pereira
Graduação: 38%
Apresentação: garrafas de 700 ml
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: